Sustentabilidade

02/01/2018

Aplicativo é aliado para serviços de limpeza e coleta de resíduos na capital paulista

Plataforma traz informações sobre serviços de limpeza e coleta, além da localização dos caminhões em tempo real

Aplicativo é aliado para serviços de limpeza e coleta de resíduos na capital paulista

De acordo com a prefeitura, são recolhidos diariamente cerca de 12 mil toneladas de lixo na cidade
(Arte:TUTU)

Por Priscila Trindade

Com o cotidiano corrido de uma grande cidade como São Paulo – que consome muito tempo com o deslocamento para o trabalho, estudos e outros afazeres –, muitos moradores não conhecem a estrutura do próprio bairro onde moram. Essa falta de familiaridade com a região onde vivemos tem reflexo nos resultados dos serviços de limpeza urbana e coleta de lixo.

Para auxiliar quem busca mais informações sobre o assunto e, ao mesmo tempo, evitar o descarte irregular de resíduos no município, a prefeitura lançou o aplicativo Limpa-Rápido. A ferramenta informa a localização dos caminhões de coleta seletiva e domiciliar, com apenas dois minutos de delay, endereços de todos os ecopontos e postos de entrega voluntária (PEVs). O programa coloca o usuário a um clique do Disque Limpa-Rápido, o 0800 da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb). No telefone, é possível solicitar limpeza de bueiros, capinagem, varrição de rua e retirada de entulho em pontos de descarte irregular.

“Às vezes, em São Paulo, passamos o dia inteiro fora de casa e desconhecemos a coleta seletiva, e esse aplicativo vem para esclarecer sobre todos os serviços de limpeza, coleta e destinação de resíduos da capital”, diz a assessora técnica do Conselho de Sustentabilidade da FecomercioSP, Cristiane Cortez.

Veja também:
Aplicativo auxilia no descarte correto de resíduos na zona sul de São Paulo
Economia circular reutiliza cartões plásticos vencidos
Finalistas do 6º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade serão conhecidos em março

Para ter acesso ao programa, é necessário baixar o aplicativo e fazer um cadastro com e-mail e senha. O serviço é gratuito e o cidadão tem a opção de salvar seus locais favoritos, como casa e escola, e conectar com os respectivos horários de coleta de cada localidade. Pode receber também avisos personalizados de dias de mutirões de limpeza e ações ambientais no bairro escolhido.

“O sucesso dos aplicativos é recente e foi causado pelo grande número de smartphones vendidos no mercado. Um projeto que pretende melhorar o descarte de resíduos vem em boa hora, porque as pessoas têm acesso aos aparelhos e, agora, às informações de limpeza”, afirma Cristiane.

A ferramenta foi desenvolvida pela PlataformaVerde, e segundo o fundador da empresa, Chicko Sousa, as informações fornecidas tornam a gestão de limpeza mais transparente, e a parceria para tornar a capital mais limpa pode se desenvolver a partir de então.

De acordo com a prefeitura, são recolhidos diariamente cerca de 12 mil toneladas de lixo na cidade. Somente nos meses de janeiro e fevereiro, foram recolhidos em média 16 mil toneladas por mês de resíduos em pontos de descarte irregular. A multa prevista por descarte de entulho, terra ou resíduos acima de 50 quilos é de R$ 18.421,20. Ela só pode ser aplicada em casos de flagrante.

“É necessário desmistificar a coleta de lixo, transformar em visíveis os que são considerados invisíveis pela população. As cidades só serão capazes de efetuar campanhas de educação ambiental se puderem ter meios de provar à população que o serviço existe e está disponível, mas que há a necessidade por parte de população, comércio e industrias de efetuarem a sua parte em separar o resíduo de forma correta e deixá-lo na rua apenas nos dias e horários em que o caminhão irá passar”, ressalta Sousa.

O aplicativo começou a ser desenvolvido no início deste ano, e um dos desafios estava em definir uma comunicação padrão para as quatro concessionárias urbanas responsáveis pela limpeza na cidade. Sousa destaca que, além disso, foi trabalhoso adaptar o aplicativo ao consumo de informações on time de mais de oito diferentes sistemas de controle e gestão da coleta municipal.

A plataforma está disponível para download na Apple Store e na Google Play desde março deste ano. Até o momento, foram feitos mais de 11 mil downloads do aplicativo, e o número de consulta ao mapa passa de 30 mil.