Negócios

19/03/2018

Planejamento é peça-chave para o sucesso de novas empresas

Em início de atividade, empreendedor precisa se focar mais na estratégia do que no operacional

Planejamento é peça-chave para o sucesso de novas empresas

No começo da atividade empresarial, é fundamental saber qual estratégia será utilizada para alcançar os objetivos
(Arte/Tutu)

Por mais experiência que se tenha, começar bem um novo negócio é um grande desafio empresarial. Há diversas variáveis que impactam a gestão da empresa, principalmente em início de atividade.

O início é um momento repleto de boas expectativas, de confiança e da sensação de que tudo dará certo. Contudo, nem sempre ocorre dessa forma, e, muitas vezes, em curto período de tempo, as empresas precisam de recursos para quitar dívidas.

Veja também
Empresários precisam acompanhar propostas legislativas para melhorar o ambiente de negócios
FecomercioSP apresenta dicas de gestão financeira no varejo
Maior no comércio, rotatividade de funcionários prejudica os negócios

Acontece que, no começo da atividade empresarial, é fundamental saber qual estratégia será utilizada para alcançar os objetivos desejados. Entretanto, em função da empolgação de abrir uma empresa, o empreendedor costuma ficar muito mais concentrado nas atividades operacionais do que no planejamento estratégico e no plano tático.

O plano tático é a parte em que são descritas todas as ações que devem ser empregadas para que os objetivos planejados sejam alcançados.

Há um estereótipo de que começar um empreendimento é sempre muito difícil e traz baixo retorno financeiro. Contudo, as chances de a empresa ter sucesso são maiores quando o foco é colocado na estratégia e no plano tático, em vez da parte operacional.

De maneira geral, é possível afirmar que, para ter um negócio bem-sucedido, é preciso ter conhecimento sobre gestão empresarial, sendo que não basta apenas a empolgação e o esforço na realização das atividades. Possuir o máximo de informações e organizá-las de forma estratégica é o melhor caminho para reduzir os riscos de uma empresa em início de atividade.

Se o empreendedor não tem expertise para formular a estratégia correta, ou se possui um perfil mais voltado para o operacional, vale a pena contratar uma consultoria para elaborar o planejamento estratégico, a fim de que o negócio tenha sucesso. Nesse ponto, vale destacar que o perfil do empreendedor afeta diretamente o alcance dos resultados. Portanto, começar a atividade empresarial adequadamente é muito importante para a sobrevivência da empresa. Nesse sentido, o empresário pode buscar apoio de entidades de classe, conversar com outros empreendedores, participar de cursos e elaborar um planejamento para dar mais sustentabilidade aos negócios.

Outros pontos que também merecem aprofundamento do empreendedor são o produto ou o serviço comercializado, a localização do estabelecimento, as formas de pagamento, o capital investido, as ações de marketing etc. Como se pode observar, todos os itens fazem parte do planejamento e são importantes para o sucesso do empreendimento. Elaborando um plano, imprevistos são evitados ou minimizados para que a vida da empresa seja a mais longa possível.