Negócios

09/01/2018

Santos e Itu são destaques na revista “C&S”

Reportagens especiais fazem parte da série “Interior de São Paulo: Gigante do Comércio Brasileiro”

Santos e Itu são destaques na revista “C&S”

Já está disponível para leitura a edição de janeiro/fevereiro da revista Comércio & Serviços, editada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

Nessa edição, C&S dá continuidade à série “Interior de São Paulo: Gigante do Comércio Brasileiro”. Depois de Campinas, abordada na primeira reportagem do especial, de Tupã e Mogi das Cruzes, exploradas na segunda publicação, e das cidades de São Carlos e Taubaté protagonizarem a série na terceira versão, agora Santos e Itu são os temas dos textos e imagens.

O interior de São Paulo, sob a ótica do setor de comércio e serviços, responde por 33% de tudo o que se produz na economia nacional, segundo a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade).

Além da matéria publicada na revista, um conteúdo multimídia composto por dados econômicos pode ser acessado aqui, no Portal da FecomercioSP.

Veja também:
Especial “Interior de São Paulo: O Gigante do Comércio Brasileiro” traz dados de São Carlos e Taubaté
Cidades de Mogi das Cruzes e Tupã são destaques da revista “C&S”
Campinas abre série “Interior de São Paulo: O Gigante do Comércio Brasileiro”, com dados de cada região do Estado

Santos

Santos é referência pela exportação de commodities via Porto de Santos, mas se destaca também na qualidade de vida que oferece para seus habitantes: é a melhor cidade do Brasil para as pessoas acima de 60 anos, de acordo com o Índice de Desenvolvimento Urbano para Longevidade, feito pelo Instituto de Longevidade Mongeral Aegon e pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV/Eaesp),

O elevado PIB municipal de R$ 20,1 bilhões, o terceiro maior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do Brasil – de 0,840, numa escala de 0 a 1, sendo o último o melhor resultado possível – e o baixo porcentual de população de baixa renda fazem da cidade santista a primeira colocada no ranking entre 498 municípios brasileiros.

Itu

O clima ameno e a proximidade da capital tornam Itu um destino atraente para muitos paulistanos, que encontram na cidade gastronomia diversificada, opções de hospedagem para todos os gostos e bolsos e uma variedade de lazer que inclui visitas a pontos históricos, parques e fazendas. Na área central, as edificações tombadas são um retrato da importância econômica que a cidade teve ainda no Ciclo das Bandeiras. Quando o assunto é gastronomia, é impossível não associar a cidade ao Steiner Bar do Alemão, fundado em 1902, onde é servido um tradicional filé à parmegiana.

Itu também é conhecida como a cidade dos exageros: o município tem fixado, na praça central, um telefone público com sete metros de altura. Também no centro, o visitante encontra diversos estabelecimentos comerciais especializados em souvenirs “gigantes”.