Pesquisa Conjuntural do Setor de Serviços

Faturamento do setor de serviços sobe 3,6% em fevereiro

O setor de serviços na cidade de São Paulo demonstra uma retomada do crescimento neste início de ano. Em fevereiro, pelo segundo mês consecutivo, o faturamento real do setor registrou alta de 3,6% em relação ao mesmo período do ano anterior. No mês, em termos monetários, o setor registrou um faturamento real de R$ 21,0 bilhões, cerca de R$ 737 milhões acima do valor apurado no mesmo mês do ano passado. Foi o quarto maior montante para fevereiro desde o início da série histórica, em 2010. Com o resultado apurado, o acumulado no ano ficou positivo em 2,9%, totalizando um faturamento real de R$ 48,5 bilhões.

De acordo com a FecomercioSP, pelo segundo mês consecutivo, o setor de serviços registrou crescimento no seu faturamento real em relação ao mesmo período do ano anterior, apontando para um processo de recuperação, depois do mais profundo e longo ciclo recessivo da atividade econômica. Os resultados negativos vêm se desacelerando desde setembro de 2016, conforme mostra o indicador acumulado em 12 meses, contribuindo também para a sinalização dessa tendência de recuperação.

Em linhas gerais, a Federação acredita que a conjuntura econômica do País começa a dar sinais de melhora, refletidos na queda da inflação e da taxa de juros, colaborando para a melhoria nos indicadores de confiança dos consumidores e empresários.

Para ter acesso à análise completa, clique aqui.

Sobre

A Pesquisa Conjuntural do Setor de Serviços (PCSS) disponibiliza o primeiro indicador mensal de serviços em âmbito municipal, elaborado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) com base nos dados de arrecadação do Imposto sobre Serviços (ISS) do município de São Paulo, fornecidos pela Secretaria Municipal de Finanças e Desenvolvimento Econômico.

Como é obtido

A produção de indicadores de serviços na cidade de São Paulo é feita a partir da base de dados do Imposto sobre Serviços (ISS) arrecadado. Além disso, considerando a diversidade do setor, as atividades abordadas na pesquisa foram reunidas em 13 grupos, levando-se em conta as suas similaridades e representação no total do que é arrecadado do ISS no município.

Por meio dos relatórios gerados é possível identificar o total do faturamento (real e nominal) por atividade, as variações percentuais em relação ao mesmo mês do ano anterior (T-T/12) e mês imediatamente anterior (T-T/1) e o acumulado no ano.

Utilidades

A PCSS é um importante meio para aferir os resultados obtidos pelo setor de serviços do município de São Paulo. A cidade tem grande relevância nos resultados estaduais e nacionais do setor de serviços, representando aproximadamente 20% do total que é gerado de receita no País.

Análise de Índice

De:

Até:

Selecione ao menos uma das Segmentações para visualização

Conteúdos relacionados