Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Economia

16/08/2015

Crise na China pode afetar cotações de commodities brasileiras

Estouro da “bolha chinesa” pode gerar prejuízos devido ao delicado momento que o Brasil enfrenta

Ajustar texto: A+A-

Crise na China pode afetar cotações de commodities brasileiras

A desaceleração acentuada da economia da China nos últimos meses pode pressionar as cotações da maioria dos commodities e reduzir a demanda por produtos agrícolas brasileiros. Para o Brasil, que tem a China como seu principal comprador, isso pode significar acirramento da concorrência com outros países exportadores, perda de participação no mercado internacional, desvalorização do Real, aumento nos preços e retração da economia.

Outro impacto da diminuição da demanda chinesa por commodities brasileiros é a perda da confiança dos empresários no País.

Se o ajuste chinês for lento e gradual, os efeitos sobre a economia brasileira serão aceitáveis, porém, se houver um “estouro da bolha” de ativos chineses, os prejuízos podem ser grandes devido ao delicado momento que o Brasil enfrenta.