Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Imprensa

06/12/2017

FecomercioSP apresenta novo Conselho de Turismo

Reunião nesta terça-feira, 5, marcou o início das atividades do conselho, que se propõe a gerar dados para estimular políticas para o turismo nacional

Ajustar texto: A+A-

São Paulo, 06 de dezembro de 2017 - A Federação do Comercio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) realizou nesta terça-feira, 5, a primeira reunião do Conselho de Turismo. O grupo, que conta com 14 membros, será presidido por Mariana Aldrigui e buscará discutir formas de propor políticas e parcerias que contribuam para o desenvolvimento do turismo brasileiro. 

"É preciso entender o turismo de forma contemporânea, usando todas as ferramentas que temos disponíveis", afirmou o membro do conselho e sócio-diretor da consultoria GKS, Cássio Garkalns de Oliveira, durante o encontro. "Devemos olhar para a sustentabilidade como componente importante para colocar os empreendimentos do turismo em outro patamar de relacionamento com a sociedade", afirmou.

O membro do Conselho de Turismo da Federação e diretor de políticas públicas do Airbnb para a América Latina, Francisco Carvalheira, observou que a reunião de dados proposta pelo conselho pode constituir material capaz de gerar massa crítica e um diagnóstico sobre o turismo brasileiro atual. "Nota-se no mercado a percepção de que as empresas de tecnologia vieram para ficar. Agora, devemos analisar como a tecnologia pode nos ajudar a gerar dados sobre o setor de turismo, com foco na movimentação econômica que é gerada pelas pessoas que viajam pelo Brasil", disse.

O diretor comercial da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (Abla) e também membro do conselho, Jorge Pontual, observou que o setor de locação tem muitas oportunidades para gerar novas receitas. "Hoje, qualquer pessoa que vá fazer turismo no Brasil sabe o nome de quatro ou cinco locadoras de carros, mas temos 11 mil locadoras diferentes, com frota de 660 mil automóveis", explicou.

Na pauta da reunião, além da apresentação do conselho e de seus membros, foram discutidas propostas de atuação para 2018, e um calendário de projetos que inclui um índice de atividades do turismo, o projeto Janeiro Verde e novos indicadores.

O economista Guilherme Dietze será o responsável pela assessoria econômica, juntamente com a Dra. Ana Paula Locoselli, que responderá pela assessoria jurídica do Conselho de Turismo da FecomercioSP.

Também estiveram presentes o sócio-diretor da Bites, Manoel Fernandes; o consultor técnico da Abear, Maurício Moreira; o diretor-executivo da FOHB, Orlando de Souza; o assessor do Senac-SP, Jorge Duarte; o coordenador de pesquisas da São Paulo Turismo S.A., Fábio Nascimento; a sócia-diretora da Mapie, Trícia Levy; o coordenador institucional da Braztoa, Dante Campos e Carizia Vidal, advogada da Flora e Camargo.