Legislação

20/12/2017

FecomercioSP é favorável ao Empreenda Fácil e considera o programa um passo à frente na desburocratização brasileira

A Entidade, há muitos anos, tem trabalhado a favor da simplificação dos processos de abertura e fechamento de empresas e vê no programa um fator positivo ao empreendedorismo

FecomercioSP é favorável ao Empreenda Fácil e considera o programa um passo à frente na desburocratização brasileira

Os processos burocráticos impõem às empresas no Brasil custos mais elevados do que em outros países
(Arte: TUTU)

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) é favorável ao Empreenda Fácil, que integra em um mesmo processo prefeitura, Jucesp e Receita Federal. Na análise da Entidade, o programa já vem surtindo efeito positivo no ambiente de negócios. Desde que foi lançado, há 7 meses, o tempo médio para abertura de empresas de baixo risco foi reduzido para 4,53 dias. A Federação reforça que, apesar dos inúmeros problemas que ainda atormentam o dia a dia de contabilistas e empreendedores, desafiando sua criatividade e perseverança, o programa é o início de uma nova trajetória rumo à desburocratização.

Veja também:
Empresas terão de usar o eSocial a partir de janeiro de 2018
Projeto de Lei cria incentivo fiscal para empresas que contratarem idosos
Proposta prevê que consumidor seja indenizado por perda de tempo livre

A Federação há muitos anos tem trabalhado contra a burocracia brasileira, a favor da simplificação do processo de abertura e fechamento das empresas e, principalmente, em prol da diminuição do tempo de abertura de empresas, que segundo o último relatório do Banco Mundial – Doing Business 2016, o empresário brasileiro demora em média 79 dias para finalizar a abertura de uma empresa. Um exemplo do entrave burocrático do País.

Para a Entidade, os processos burocráticos impõem às empresas no Brasil custos mais elevados do que em outros países, muito embora alguns dos problemas sejam pequenos e, se somados, tornam-se dificultosos para empreender.