Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Sustentabilidade

21/02/2017

FecomercioSP lança 6º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade

Federação receberá especialistas em 10 de março para debater assuntos ligados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, que nortearão esta edição da premiação

Ajustar texto: A+A-

FecomercioSP lança 6º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade

Evento acontecerá na sede da FecomercioSP, no centro da capital paulista; interessados em acompanhar o debate poderão se inscrever gratuitamente
(Arte/TUTU)

A sexta edição do Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade será oficialmente lançada no próximo dia 10 de março, na sede da FecomercioSP. Na ocasião, será divulgado também o regulamento da premiação, que contará com as seguintes categorias: Empresa, Entidades Empresariais, Indústria, Órgão Público, Academia e Reportagem. Para concorrer, os projetos devem apresentar casos reais de negócios viáveis, iniciativas públicas, reportagens jornalísticas e estudos acadêmicos que considerem a prática dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), composta por 17 objetivos e 169 metas a serem atingidos pela humanidade até 2030. Estão previstas ações para consumo e produção sustentáveis, erradicação da pobreza, segurança alimentar, agricultura, saúde, educação, igualdade de gênero, entre outros.

O evento terá ainda a participação de Flora Mokgohloa, diretora do Departamento de Gestão Ambiental da Prefeitura de Joanesburgo (África do Sul), Haroldo Machado Filho, assessor sênior do Programa ONU para o Desenvolvimento (PNUD), Céline Cousteau, ambientalista francesa, neta do famoso historiador marítimo Jacques Cousteau, e do professor José Goldemberg, presidente do Conselho de Sustentabilidade da FecomercioSP e idealizador da premiação.

Flora Mokgohloa foi a responsável pela implantação do BRT (Bus Rapid Transit) em Joanesburgo, com o objetivo de servir à Copa do Mundo de Futebol de 2010. Ela abordará os reflexos gerados pelo sistema e as possibilidades de evolução de projeto similar realizado no Rio de Janeiro.

Já Haroldo Machado Filho, PhD em Direito Internacional e negociador do governo brasileiro em Conferências das Nações Unidas sobre mudança do clima desde 1998, fará um balanço das ações locais para que o País avance nos objetivos propostos, além dos desafios para o setor empresarial.

Céline Cousteau apresentará seu trabalho à frente da ONG CauseCentric, que tem disseminado vídeos curtos na internet mostrando os desafios ambientais que o mundo precisa enfrentar. A ambientalista já esteve no Brasil e trabalhou na filmagem de um documentário no Vale do Javari (fronteira do Brasil com o Peru na região amazônica).

Para participar do evento de lançamento da premiação e acompanhar o debate entre os especialistas, clique aqui e faça sua inscrição gratuitamente.