Negócios

23/04/2018

Fernandópolis e Ribeirão Preto são destaques da revista “C&S”

Reportagens integram a série “Interior de São Paulo: gigante do comércio brasileiro”

Fernandópolis e Ribeirão Preto são destaques da revista “C&S”

Fernandópolis é destaque por suas águas termoativas e Ribeirão Preto é um grande centro de saúde do Brasil
(Arte: TUTU)

Já está disponível para leitura a edição de maio e junho da revista Comércio & Serviços, editada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

Nesta edição, a C&S dá continuidade à série “Interior de São Paulo: gigante do comércio brasileiro” com os municípios de Fernandópolis e Ribeirão Preto. Na edição anterior, Marília e São José do Rio Preto participaram do especial. As regiões de Santos e Itu também foram exploradas em outras publicações de 2018.

Além da matéria publicada na revista, um conteúdo multimídia composto por dados econômicos pode ser acessado aqui, no Portal da FecomercioSP.

Veja também:
Marília e São José do Rio Preto são destaques da revista “C&S”
Santos e Itu são destaques na revista “C&S
Especial “Interior de São Paulo: O Gigante do Comércio Brasileiro” traz dados de São Carlos e Taubaté

Fernandópolis
Fernandópolis pertence à região administrativa de São José do Rio Preto e está a 560 quilômetros da capital paulista. As águas minerais termoativas termais que brotam a uma temperatura de 59ºC foram analisadas pelo Instituto Adolfo Lutz e possuem ricas propriedades terapêuticas. Elas ajudam a afastar o estresse, estimulam o metabolismo das glândulas endócrinas, aumentam a diurese e exercem ação sedativa sobre o sistema nervoso.

O município ainda se destaca como a “capital nacional do humor” e atrai turistas nacionais e internacionais por causa do Encontro Internacional de Palhaços, o EuRiso, em janeiro. O evento dissemina a arte do palhaço e estimula a reflexão sobre o riso.

Ribeirão Preto
Ribeirão Preto, localizado no interior paulista, é considerado um grande centro de saúde do Brasil, com 17 hospitais e 49 unidades de saúde. É ainda a terceira cidade com mais médicos por habitantes no Estado (6,2 por mil pessoas), atrás de Santos (6,9) e Botucatu (6,45), segundo estudo do Conselho Regional de Medicina (Cremesp) e da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

A cidade recebeu a instalação de uma filial da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), também a primeira do Estado de São Paulo. Em um primeiro momento, foi implantada a Plataforma Bi-Institucional de Medicina Translacional. A segunda etapa vai contemplar uma plataforma de fabricação de kits de diagnósticos rápidos para doenças como dengue, zika, febre amarela e chicungunha.

Ribeirão Preto também desponta no turismo regional e possui mais de 13,7 mil leitos em sua rede hoteleira, além de uma diversificada rede de bares e restaurantes. Os visitantes podem contar com a Agrishow – Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, que teve sua 25ª edição realizada entre os dias 30 de abril e 4 de maio, e 13 microcervejarias.

Confira a edição completa da revista nº 56 aqui.