Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Negócios

28/08/2020

Fique por dentro de inovações nas plataformas de vendas que podem ser aplicadas na moda feminina no Brasil

O CEO da Marisa, Marcelo Pimentel, fala ao podcast da FecomercioSP sobre a série de medidas adotadas antes e durante a pandemia de covid-19

Ajustar texto: A+A-

Fique por dentro de inovações nas plataformas de vendas que podem ser aplicadas na moda feminina no Brasil

Entrevistado também analisa a mudança no comportamento da cliente, que tem se mostrado mais objetiva nas compras
(Arte: TUTU)

A rede de moda feminina e lingerie Marisa marcava o quinto trimestre consecutivo de crescimento quando a pandemia de covid-19 começou a mudar a rotina do País. Uma das diferenças da empresa, segundo conta o CEO, Marcelo Pimentel, ao Podcast FecomercioSP, está no fato de a empresa ter sido ágil para lidar com a situação.

Na entrevista, ele diz que entre o fim de fevereiro e o início de março, a empresa montou um comitê de crise no qual escolheu trabalhar com base em quatro pilares para atravessar o período: cuidar das pessoas; assegurar a saúde financeira da empresa; ter uma boa comunicação e um vínculo de contato com as clientes; e pensar no momento de retomada da economia.

Saiba mais sobre as mudanças ocorridas na pandemia:
Vestuário é a atividade mais afetada pela pandemia e deve fechar o ano com queda de 25% no faturamento
Varejo muda formato para atender consumidor na pandemia; ouça
Fique por dentro das tendências do varejo de calçados no Brasil

“Dentro dessa realidade [da pandemia], é importante, como varejista, olhar como tirar proveito de uma situação inevitável para todos. A Marisa se preparou para atravessar este momento. No fim de 2017, mudamos nossa plataforma, no fim do ano seguinte, lançamos o programa de multicanalidade e, em 2019, tivemos a primeira loja em marketplaces externos. Já estávamos avançados em uma série de iniciativas digitais que, agora, refletem na nossa performance dos últimos meses e do ano como um todo, na nossa venda digital”, detalha Pimentel.

Durante a pandemia, mesmo com lojas fechadas por causa das restrições ao atendimento presencial em diferentes Estados, a rede lançou o aplicativo oficial integrado com moda e serviços financeiros. O resultado? Em menos de um mês e meio, foram feitos mais de 700 mil downloads.

Na gravação, Pimentel também fala do programa Sou Sócia, no qual qualquer pessoa com mais de 18 anos pode receber uma comissão na venda de produtos do site da Marisa; do Clique e Retire, em que as compras online geram fluxo e novas vendas para as lojas físicas; da inauguração de uma loja-conceito em Campinas, no interior de São Paulo; e do aumento de tempo permitido para a troca de produtos pelas clientes na pandemia. “Também estamos com pilotos, compras via WhatsApp e modelo de drive-thru em nossas lojas. A ideia é realmente ser um ambiente no qual a mulher brasileira possa encontrar uma solução para tudo o que ela queira”, diz.

Além dos negócios, o CEO da Marisa analisa a mudança no comportamento da cliente, que tem se mostrado mais objetiva nas compras. “O sentimento que temos é que ela faz uma pré-visita no digital para chegar à loja com mais direcionamento. Então, o que temos visto é uma visita mais rápida, mas, em contrapartida, muito focada”, explica Pimentel.

Ouça o podcast

O conteúdo também está disponível no Spotify e no Apple Podcasts.