Economia

11/12/2019

Redução da Selic para 4,5% auxilia empresário na manutenção e na expansão dos negócios

Para FecomercioSP, é tempo de renegociar dívidas e cogitar aumento de investimentos

A redução da taxa de juros de 5% para 4,5%, anunciada há pouco pelo Banco Central (BC), marca o fechamento do ano em ciclo de quedas que teve início em julho. Trata-se do menor índice da história desde que a Selic foi instituída. Assim, empresários podem aproveitar o momento para renegociar dividas, buscando redução dos juros; aumentar o crédito disponibilizado para o cliente, seja por recursos próprios, seja por instituições financeiras parceiras; e pôr em prática planos de expansão por meio de novos investimentos ou linhas de financiamentos mais adequadas.
 
De acordo com a assessoria econômica da FecomercioSP, diminuir a Selic é fundamental para dar sequência ao crescimento econômico do País, uma vez que reduz o custo da dívida pública e atrai investimentos tanto internos quanto externos, o que gera emprego e renda. Além disso, consumidores e empresários vão encontrar melhores opções de crédito, com prazo mais longos e taxas mais baixas, fomentando o consumo.