Negócios

18/12/2018

Centenária Calçados Busso encanta artistas e autoridades com sapatos sob medida

Modelos da loja centenária são feitos à mão com matéria-prima importada da França

Centenária Calçados Busso encanta artistas e autoridades com sapatos sob medida

Sapataria fundada em 1915 produz, em média, de cinco a dez pares por semana
(Arte TUTU sobre foto de Christian Parente)

Com informações de Filipe Lopes

Revestindo os pés de artistas e autoridades, a centenária Calçados Busso exibe em sua vitrine modelos clássicos de sapatos e fotos de personalidades que ajudaram a construir a história da marca, diferenciada por produzir calçados sob medida.

A loja foi fundada em 1915 pelo italiano Gino Busso. Em 1970, foi comprada pelo discípulo do fundador, o português Mário da Costa Carneiro. Desde o falecimento de Carneiro, em junho deste ano, a sapataria segue sob a gerência de Valter Barroso Batista, sapateiro da Busso desde a década de 1970.

Veja também
Pioneira no País, Mundo Verde se consolida como maior empresa de produtos naturais
Influenciadores digitais são o mais novo fenômeno de marketing
“Carsharing” gera renda no compartilhamento de veículos

Há 48 anos na Vila Buarque, no centro de São Paulo, hoje a marca produz, em média, de cinco a dez pares por semana. O público é formado principalmente por empresários, políticos, advogados e desembargadores.

Os modelos feitos à mão em couro ou camurça importado da França já calçou artistas, como Jô Soares, Ronald Golias, Nelson Ned e Clodovil Hernandes; e autoridades, como o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Nelson Jobim.

Para Valter Batista, contudo, nada se compara ao dia em que atendeu o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso. “Quando ele passou pela porta, tive de perguntar: 'É o senhor mesmo, presidente?'”.

Confira a reportagem completa “Um século calçando as estrelas” na edição n.º 59 da revista C&S, a partir da página 62.