Legislação

05/04/2019

Jornadas especiais de trabalho podem aumentar a produtividade da sua empresa; saiba como

Expedientes 12x36, parcial e reduzido podem ser mais adequados ao seu negócio

Jornadas especiais de trabalho podem aumentar a produtividade da sua empresa; saiba como

Jornada tradicional de trabalho (de 8 horas diárias e 44 horas semanais) pode não ser a melhor opção para os negócios
(Arte/Tutu) 

Escolher jornadas de trabalho adequadas ao perfil da empresa proporciona otimização de custos e aumento da produtividade. Os empregadores geralmente contratam funcionários na jornada regular de trabalho de até 8 horas diárias e 44 horas semanais, mas essa pode não ser a melhor opção para os negócios. Caso a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) celebrada entre empresas e empregados do seu ramo de atividade trate da adoção de outras jornadas – diferenciadas – de trabalho, o empreendedor deve estudar a viabilidade de outras modalidades.

A jornada parcial, por exemplo, limita a duração do trabalho a 30 horas por semana, enquanto a reduzida permite que a empresa contrate funcionários para expedientes semanais superiores a 30 horas e inferiores a 44 horas. Também há a jornada 12x36, sistema em que 12 horas seguidas de trabalho são alternadas por 36 horas ininterruptas de descanso.

Veja também
Aumente a produtividade da sua equipe com jornadas especiais
Jornada parcial: não espere para aderir e alcance bons resultados
Convenção coletiva permite que comércio da capital adote jornadas de trabalho diferenciadas

“Se existe um horário em que é preciso contar com mais funcionários, a jornada especial facilita a contratação de empregados para trabalhar nesse período”, explica o presidente do Sindicato dos Lojistas do Comércio de São Paulo (Sindilojas-SP), Ruy Pedro de Moraes Nazarian. Ele aponta que a principal vantagem dos expedientes diferenciados é a possibilidade de o comerciante adequar o quadro de funcionários às necessidades de atendimento e produção.

Segundo a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), a escolha da jornada de trabalho deve levar em conta a atividade da empresa, a necessidade de mão de obra e a demanda por seus serviços. Quer saber mais e otimizar seus custos? A FecomercioSP produziu um conteúdo especial, bem detalhado e didático, sobre as jornadas diferenciadas. Confira aqui.