Editorial

20/06/2018

“Missão supersecreta”: Miguel Rômulo e Thaís Müller falam sobre a magia de trabalhar com público infantil

“Todo mundo tem uma criança dentro de si que a vida acaba afastando”, dizem os atores do espetáculo infantil que aborda a importância de usar a imaginação em uma era tecnológica

“Missão supersecreta”: Miguel Rômulo e Thaís Müller falam sobre a magia de trabalhar com público infantil

Escrita por Thereza Falcão, peça também traz temas do cotidiano sob o olhar da criança
(Arte TUTU sobre foto de Myllena Araújo)

“Trabalhar com o público infantil é mágico e visceral. A gente se entrega para uma criança interior, que a vida acaba afastando”, comenta o ator Miguel Rômulo, que interpreta o divertido Juca na peça Missão supersecreta, em cartaz no Teatro Raul Cortez, na Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

A atriz Thaís Müller se diz presenteada em fazer o papel da romântica Teco e concorda com o seu parceiro nos palcos. “É desafiador interpretar uma criança e não ficar caricato. Tentamos buscar a nossa essência porque todo mundo tem uma criança dentro de si. Se a gente acredita nessa verdade, a plateia também embarca.”

Veja também
“Missão supersecreta” envolve público infantil e estimula imaginação, diz diretora Bel Kutner
“Missão Supersecreta”: peça infantil mostra a importância da interatividade além das redes sociais

O espetáculo infantil, escrito por Thereza Falcão e com direção de Bel Kutner, conta a história de dois primos que precisam arrumar formas de se divertirem em um dia sem tecnologia, por causa de uma forte chuva na cidade em que vivem.

Para o ator – que atualmente também está no ar como Randolfo na novela Orgulho e paixão, da TV Globo –, a peça infantil mostra tudo o que uma criança precisa para se divertir. “A imaginação nos faz sonhar e acreditar que há muita coisa linda para se viver, pois a vida não é só internet e celular”, opina.

Além de estimular as crianças a sonhar, imaginar e criar longe da tecnologia, a história também aborda a separação dos pais e dos amigos. “A gente pontua outro lado para o público: de que tudo vai ficar bem e que a distância não separa ninguém, pois o amor sempre ganha”, finaliza Thaís. 

Voltado para todas as idades, Missão supersecreta fica em cartaz até 15 de julho, aos sábados e domingos, às 16h. 

Serviço
Data: de 26 de maio a 15 de julho.
Sábados e domingos, às 16h. 
Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia-entrada).  
Teatro Raul Cortez – Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – Bela Vista, São Paulo (SP).