Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Conselho de Sustentabilidade

18/09/2020

FecomercioSP faz intermediação de parceria inédita de logística reversa de produtos eletroeletrônicos

Green Eletron terá Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) em todas as lojas da Leroy Merlin no Brasil

Ajustar texto: A+A-

FecomercioSP faz intermediação de parceria inédita de logística reversa de produtos eletroeletrônicos

Foram realizados encontros com os envolvidos para apresentar o sistema de logística reversa de eletroeletrônicos e de pilhas e baterias portáteis
(Arte: TUTU)

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), instituída pela Lei 12.305/2010, completou uma década neste ano e, no dia 31 de outubro de 2019, foi celebrado, um acordo setorial que representa, também, o pontapé inicial na gestão dos resíduos eletroeletrônicos no Brasil. 

A parceria inédita entre a Green Eletron e a Leroy Merlin prevê Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) de logística reversa de produtos eletroeletrônicos em todas as lojas da rede no Brasil. Atualmente, apenas no Estado de São Paulo é possível descartar diversos itens de forma ambientalmente correta em 18 unidades localizadas na capital paulista e outras cidades como Ribeirão Preto, Campinas, São José dos Campos, Sorocaba, São Bernardo do Campo, Taubaté, São José do Rio Preto, Barueri e São Caetano do Sul. Podem ser descartados adaptadores de tomada, CPUs, carregadores em geral, furadeiras, jogos de videogame, liquidificadores, telefones, pilhas alcalinas, comuns de zinco e recarregáveis, baterias portáteis, entre outros.

Saiba mais sobre logística reversa:
Logística reversa: entenda os procedimentos de coleta de resíduos de grandes geradores
Com novo decreto, regra prevista pelo acordo setorial passa a ser aplicada por todos os responsáveis pelo ciclo de vida de produtos eletroeletrônicos
FecomercioSP pede suspensão do cumprimento de metas a todos os sistemas de logística reversa enquanto durar pandemia

Antes da parceria, a Leroy Merlin, em suas Estações de Coleta Seletiva já recebia entre outros produtos pós-consumo e embalagens, lixo eletrônico como pilhas, baterias portáteis, carregadores e celulares, fazendo a destinação por conta própria.

Negociação

Como o varejo é o setor que está mais próximo do consumidor, a assessoria técnica do Conselho de Sustentabilidade da FecomercioSP intermediou uma parceria entre a entidade gestora para a logística reversa de produtos eletroeletrônicos – Green Eletron e a Leroy Merlin, frequentadora assídua das reuniões do conselho e do Grupo de Trabalho (GT) de Eletroeletrônicos da Entidade.

Foram realizados encontros com os envolvidos para apresentar o sistema de logística reversa de eletroeletrônicos e de pilhas e baterias portáteis, fruto dos termos de compromisso assinados, respectivamente, em 2017 e 2016. Neles, a FecomercioSP apresentou à Leroy Merlin os benefícios da adesão aos Termos de Compromisso e a celebração de termo de cooperação com a entidade gestora.

Como importadora de alguns produtos, a empresa tem a responsabilidade de arcar com os custos da destinação adequada e, por meio da Green Eletron, pode participar do rateio com outros fabricantes e importadores e, como comerciantes, a Leroy Merlin deve ceder o espaço para o coletor e realizar a comunicação com os consumidores. Nessa parceria, a empresa tem o apoio da Entidade Gestora para reportar as informações aos órgãos ambientais.

Para saber mais sobre logística reversa, acesse aqui a página especial elaborada pela FecomercioSP ou envie dúvidas para o e-mail logisticareversa@fecomercio.com.br.

Clique aqui e saiba mais sobre o Conselho de Sustentabilidade.