Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Podcasts

16/03/2021

Atuação de franqueado do ramo de chocolate muda em meio à pandemia

Cacau Show fala da necessidade de o franqueado se adequar à forma multicanal e usar a loja como um hub

Ajustar texto: A+A-

Atuação de franqueado do ramo de chocolate muda em meio à pandemia

"Digital permite que o consumidor, revendedor, ou qualquer outra pessoa se relacione conosco como quiser", diz
(Arte: TUTU)

As dúvidas sobre os negócios no mundo digital de produtos perecíveis como chocolate foram embora na medida em que a pandemia de covid-19 se alastrou pelo País. Nesse ambiente, o diretor de Canais e Expansão da Cacau Show, Daniel Roque, fala em uma entrevista da série Mercado & Perspectivas, do podcast FecomercioSP, como a empresa atualmente com mais de 2,4 mil estabelecimentos em operação em mais de mil cidades se remodelou.

“A vida do franqueado mudou completamente porque ele passou a ter um negócio multicanal em que o consumidor tem uma expectativa de ser atendido, de receber o produto, independentemente de ele ir até a loja, de pedir por meio  de um revendedor, ou no site”, destaca o empresário que ainda explica que ao diversificar canais de venda e a estrutura dos marketplaces, o digital tomou conta do processo de venda e de relacionamento do negócio.

Acesse outras notícias
Retomada dos negócios é possível para empresas que buscam a excelência no meio digital e na loja física
Conhecimento sobre multicanalidade muda mentalidade do consumidor
Transforme as lojas em pequenos hubs e atenda o cliente com mais agilidade

“Criamos a Cacau Show pensando em ser uma marca democrática, o que na época significava estar acessível para todos. Ressignificamos essa questão, e hoje a empresa no digital permite que o consumidor, revendedor, ou qualquer outra pessoa se relacione conosco como quiser, ou seja, o digital tomou conta tanto do negócio como do processo de venda e até mesmo do processo de relacionamento. Por isso, passamos a ter a necessidade de ter um franqueado com uma visão de ampliar as suas atuações usando a loja como ponto fixo, mas muito mais como hub para fazer a penetração no mercado onde essa loja está inserida”, explica Roque.

Ouça o podcast

O programa também está disponível no Spotify e no Apple Podcasts.