Editorial

24/07/2019

Último fim de semana de “Amor Profano” no Teatro Raul Cortez

Personagens de Marcello Airoldi e Viviane Pasmanter confrontam escolhas, crenças e temores

Último fim de semana de “Amor Profano” no Teatro Raul Cortez

Publico pode conferir a peça até 28 de julho
(Arte: TUTU)

Chega ao fim a nova temporada da versão brasileira do espetáculo Amor profano no Teatro Raul Cortez, localizado na sede da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). A última apresentação da peça que fala sobre o embate entre dúvida e fé, heresia, agnosticismo e amor será no próximo domingo (28).

A trama retrata o reencontro de Zvi (Marcello Airoldi) e Hannah (Vivianne Pasmanter) 20 anos depois de um traumático divórcio, após Zvi, em uma crise de fé, ter abandonado os costumes judeus ultraortodoxos – ainda cultivados por Hannah. Ambos terão de confrontar suas escolhas, a crença e os temores mais profundos.

Veja também:
Amor Profano está de volta ao Teatro Raul Cortez
Com casa cheia e forte aclamação do público, “Terrenal” estreia no Teatro Raul Cortez

O espetáculo é de autoria do israelense Motti Lerner, conhecido mundialmente por suas produções como roteirista e dramaturgo. Seu catálogo inclui espetáculos encenados na Europa e nos Estados Unidos, roteiros de filmes produzidos para cinema e televisão e obras literárias.

Amor profano tem direção de Einat Falbel, com trilha sonora composta pela cantora e compositora Fortuna. Os cenários e figurinos são de Zé Henrique de Paula, e a iluminação, de Yuri Cumer.

Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro ou pelo site Ingresso Rápido.

Serviço
Amor Profano
Até 28 de julho.
Sexta e sábado, às 21h, e domingo, às 19h.
Teatro Raul Cortez – Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – Bela Vista, São Paulo (SP).