Negócios

29/11/2019

Bonificação incentiva funcionários e pode aumentar produtividade da empresa

Ação faz empregado se sentir valorizado e buscar desenvolver as atividades com mais empenho para superar as metas apresentadas

Bonificação incentiva funcionários e pode aumentar produtividade da empresa

Entidade acredita que um sistema bem implementado pode reduzir até a rotatividade de empregados
(Arte: TUTU) 

Recompensar o trabalho dos funcionários é uma maneira eficaz de aumentar a produtividade. Isso ocorre porque, ao se sentir valorizado, o empregado busca meios de desenvolver suas atividades com mais empenho e atenção para superar as metas apresentadas. Nesse sentido, é interessante pesquisar e compreender como funciona um sistema de bonificação.

Em linhas gerais, é uma gratificação que o empregado recebe por atingir determinados critérios preestabelecidos. Essa recompensa pode ou não envolver uma quantia em dinheiro, e é importante destacar que existem muitas formas de gerar incentivos. Podem servir como bonificação alguns prêmios como celulares, diárias de viagens nacionais e internacionais, compra de produtos diversos, etc.

Veja também
Empresa com uma gestão de custos eficiente consegue competir com preços mais atrativos
Saiba como controlar o endividamento e reduzir os riscos para a sua empresa
Planejamento de vendas melhora a rentabilidade das empresas
Nichos de mercado: inove e faça a diferença para o consumidor
Gestão de pessoas reduz rotatividade e alinha funcionários às diretrizes da empresa
Formação de preços eficiente potencializa crescimento das empresas
Entenda como a relação com fornecedores pode ser vital para o seu negócio
Gestão eficiente dos estoques aumenta lucratividade das empresas
Acompanhar resultados de perto aumenta chances de sucesso da empresa
Fluxo de caixa diário permite identificar déficits pontuais na gestão financeira

A assessoria técnica da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) recomenda que, antes de oferecê-la, os gestores avaliem qual o tipo de gratificação que mais combina com o perfil dos funcionários. A Entidade acredita que um sistema de bonificação bem implementado pode reduzir até mesmo a rotatividade de empregados.

Como implantar um programa de bonificação
A empresa também deve levar em consideração que um modelo mal escolhido pode gerar impactos contrários como desmotivação e queda na produtividade da empesa. Para que isto não ocorra algumas dicas devem ser consideradas ao se implantar esse programa:

* Mapear o perfil dos colaboradores a fim de identificar seus objetivos e alinhá-los aos objetivos da empresa. Lembrando que é sempre importante que a empresa trace objetivos mensuráveis.

* Fique atento ao fluxo e caixa da empresa: é importante que a empresa esteja em dia com o seu planejamento financeiro para cumprir com todos os “prêmios prometidos”. Nunca prometa algo que não será possível cumprir.

* Acompanhamento e melhoria contínua: todo programa de bonificação deve ser acompanhado periodicamente a fim de verificar os resultados atingidos por cada colaborador, como também aqueles alcançados na totalidade. Com isso, se garantem as medidas necessárias ou ajustes para que se atinja o objetivo.

* Seja claro e objetivo: o programa deve ser de fácil entendimento e claro para todos os colaboradores. A divulgação é fundamental para o sucesso do programa.

Atenção
Caso a bonificação escolhida pela empresa seja em dinheiro, não se deve recolher encargos sobre esse valor, porém, recomenda-se destacá-lo na folha de pagamento (holerite) para que fique claro ao empregado o valor da remuneração.

Para saber mais sobre o assunto e conhecer também o mecanismo de recompensa de comissão, confira um conteúdo especial desenvolvido pela FecomercioSP aqui.