Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Custo de Vida por Classe Social

Custo de vida desacelera na Região Metropolitana de São Paulo

O custo de vida na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) registrou sua menor taxa de crescimento em oito meses, fechando janeiro com uma alta tímida de 0,08%. 

O resultado vem depois de aumentos expressivos em dezembro (1,22%), novembro (1,10%) e outubro (1,11%) e é o mais baixo desde maio de 2020, quando o índice registou sua última retração (-0,46%).

A estabilidade do custo de vida em janeiro na Região Metropolitana de São Paulo se deve principalmente à desaceleração dos preços de alimentos e bebidas: depois de crescerem 1,28% em dezembro e 2,59% em novembro, eles ficaram apenas 0,17% mais caros em janeiro, segundo os dados da Federação.

Sobre

O Custo de Vida por Classe Social é um indicador de preços, segmentado por grupos de despesa e faixa de renda. São nove grupos de despesa e cinco faixas de renda que, em conjunto, geram um indicador geral de custo de vida.

Como é obtido

O CVCS é obtido a partir da reponderação e reclassificação de 247 itens de despesa na cidade de São Paulo, de acordo com a participação destes nos orçamentos familiares das distintas class...

Utilidades

Entender como a evolução recente dos preços pode estar afetando a vida do consumidor paulistano médio (das famílias paulistanas) e também quais distorções ocorrem por conta da variação da capacidade de consumo (portanto no padrão de vida) de famílias de diferentes estratos sociais.

Análise de Índice

De:

Até:

Selecione ao menos uma das Segmentações para visualização

Conteúdos relacionados