Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Para acessar todo o conteúdo dessa página (imagens, infográficos, tabelas), por favor, sugerimos que desabilite o recurso.

Índice de Confiança do Empresário do Comércio

Confiança dos empresários paulistas cai depois de aumento seguidos 

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) voltou a cair entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021, e fechará o primeiro mês de 2021 aos 98,2 pontos – ou seja, abaixo do patamar dos cem pontos, como estava em outubro.

A confiança do empresariado está muito menor se comparada ao começo de 2020, quando, nesta mesma época, o ICEC estava 20,3% maior, marcando 123,2 pontos.

Sobre

O ICEC é realizado mediante entrevistas com 541 empresas na capital paulista. São capturadas informações sobre as percepções dos empresários com relação à economia, seu setor de atuação e sobre a sua empresa. As questões abordam temas como perspectivas de investimento, contratação de empregados e a situação dos estoques.

Como é obtido

São entrevistas feitas em painel fixo de empresas, com amostragem segmentada por setor (não duráveis, semiduráveis e duráveis) e por porte de empresa (até 50 empregados e mais de 50 empregados). As entrevistas são feitas em local e por telefone, mensalmente, com questionário de nove questões específicas ao segmento. As questões agrupadas formam o ICEC, que por sua vez pode ser decomposto em outros subíndices que avaliam as perspectivas futuras, a avaliação presente e as estratégias dos empresários mediante o cenário econômico.

Utilidades

É um importante instrumento de tomada de decisão de políticas públicas e empresariais. O ICEC é um poderoso indicador, cobrindo informações sobre estoques, investimentos, emprego e as perspectivas de decisões de empresários de um dos maiores setores da economia brasileira, na maior cidade do País.

Análise de Índice

De:

Até:

Selecione ao menos uma das Segmentações para visualização

Conteúdos relacionados